16 de dezembro de 2011

Biografia.



Eu sou um sorriso que por qualquer motivo pode chorar.
Sou mistério, coisa simples, nem sempre uma incógnita.
Algo entre o esquecimento e a lembrança,
parte do passado que um dia se fez infância.
Pequenos gestos, poucas palavras.
Não oscilo entre três personalidades.
Sou dotado de sentimentos diferentes,
que justificam diferenças.
Por hora sou silêncio,
mas meu olhar nunca se cala,
outrora destrambelho em palavras
e a vida vira pretexto,
os pensamentos viram perpétuos,
a dor vira insônia
e o amor analgésico.
Sou um misto, sou eu mesmo,
biografia de mim, para mim mesmo...

...por mim mesmo.

2 de dezembro de 2011

Expressão


Assumiu o papel de anjo
invadiu a minha vida
e deixou as asas ao pé da escada.
Se fez humana,
tão cheia de sofrimentos
que me fez sofrer;
com tão belo sorriso
que me fez querer cantar;
esbanjando tamanha beleza
que me fez querer voar.
És tão divina que mesmo em
partes tão desiguais
me fez querer mais!