11 de junho de 2011

Aquecer ou esquecer


A vida é feita de escolhas! E quando você se descobre acordando sozinho em pleno dia dos namorados acaba percebendo que não escolheu tão bem assim. Não, eu não estou reclamando por estar sozinho, só estou dizendo que não há motivos para comemorar.
Mas antes ficasse apenas nisso, como o destino é por muitas vezes cruel e implacável, estava eu lendo o jornal e para minha surpresa me dei conta de estar analisando matérias relacionadas a este dia tão indiferente para mim. Graças ao consumismo tudo parece girar em torno do assunto.
Não bastasse o bombardeio de informações melodiosas, a solidão decide tornar o dia ainda mais desagradável. Tudo isso me faz sentir culpado. Poxa, que droga!
Acho até que vou comprar um vinho tinto seco, umas três garrafas! - Comemorar!? Não, me entorpecer!

"Então me sinto protagonista de um filme chamado Criaturas que o mundo esqueceu."
(Caio Fernando Abreu)

4 de junho de 2011

Eminência


Criatura de beleza ímpar,
de atitudes explícitas
e condimentos irreais,
que iludem meus olhos
e consomem meu sono,
em sonhos tão reais.
És para mim especial,
imparcial,
mas nunca imperceptível.