9 de fevereiro de 2011

Reencontro...


Fui em busca de algo chamado felicidade, na verdade ela tem outro nome, outras medidas e é de uma tamanha indiferença que me deixou em dúvida por muitas vezes, pois bem, voltei para minha alegria, escrever me faz me sentir bem, porém, voltei de mãos abanando, mas ao menos não voltei infeliz, um pouquinho triste talvez, estou encarando tudo numa boa e como diz a frase: “Deixo livre as coisas que amo. Se elas voltarem é porque as conquistei, senão porque nunca as tive.”
A coisa mais importante que aprendi com tudo isso foi que a certeza do não e bem menos dolorosa do que a incerteza do talvez. E não importa o quanto você tente, não importa se são boas as suas intenções, você cometerá erros, erros estes os quais pretendo retirar uma lição e não os cometer mais. São com estas palavras que comunico sobre o meu retorno!

"...Well I deserve nothing more than I get,
Cos nothing I have is truly mine..."
(Life for rent - Dido)

2 comentários:

Sandro Ataliba disse...

Seja bem-vindo de volta. E que encontre outro objetivo ao qual se dedicar em breve.
Abraço

Chelly. disse...

Que bom que volto ...
ja estava sentindo falta !!

'' E não importa o quanto você tente, não importa se são boas as suas intenções, você cometerá erros... ''

bjOs.